domingo, 22 de julho de 2018

Pra não dizer que não falei de flores: Mariana, Diadorim, Mulan, Viola e Yentl

olá,
essa semana na novela Orgulho & Paixão tivemos a revelação de Mariana para Brandão e eu não me conformo com a maneira como foi feita.
pic de amorecenas no insta

Quando vi a notícia 'Mariana mostra os seios' imaginei que seria uma cena poética como o desenrolar de ataduras em 'Shakespeare apaixonado' já que Mário é a cara de Thomas Kent, but, foi Yentl. Nunca em meus mais LOKOS sonhos imaginei que a referência seria tão distante! Que choque! E que troca-troca de contextos!
beijo 'gay' no horário das 18hs... hein?
twitter
Já tinha listado nesse post as referências e homenagens que a novela faz.
Agora preciso falar sobre essa para esquecer, meu hubs jura que isso vem de Guimarães Rosa, eu achava que vinha do viés de feminismo torto da novela, agora nem sei. Tô confusa e de coração partido e meio assim-assim com o plot reinventado de Razão & Sensibilidade, meu Austen menos favorito. (existe isso?)

Enfim, meu raciocínio foi meio assim:


TRÊS MIL FONTES : basta uma pesquisa rápida no Wikipedia e 'crossdressing' ou 'crossdessing in literature' te enche de 1001 referências que você nem lembrava - como Mr. Rochester de cigana (esse homem me mata, sinceramente! What a rogue!) ou nem sabia (como eu) que Frida Khalo se vestiu de homem por algum tempo. Desde de Adão e Eva existe a vontade de um troca-troca - que muitas vezes não tem nada a ver com crossgender, identidade de gênero, homossexualismo, liberdade que todo mundo tem, graças a Deus, muito obrigada.  Mas quero falar desses aqui...
Image result for frida kahlo men's clothing
pinterest
MÁRIO/MARIANA: Ela se veste de homem para convencer o amado de seu amor fazendo o esporte/hobby dele. O intuito é agradar ao boy. Sua aparência é obóvia incrivelmente irreconhecível para todos (familiares, o boy, o ex, a cidade toda) - esse detalhe eu credito a uma licença poética, mas temos que lembrar que ela e Luccino, seu parsa, quando montam o disfarce só usam roupas, peruca e bigodin falso, então fica meio confuso: se os adereços são tão escassos quanto a caracterização mostra, fica meio Clark Kent/Superman.
Image result for clark kent superman
screener

DIADORIM/REINALDO:
Aqui eu falo de whishful thinking, caso agudo de expectativa/realidade, mas Orgulho & Paixão é ficção, né? Posso sonhar com Austen flertando (intelectualmente) com Guimarães Rosa. coraçõezinhos voadores all over
Enfim, Diadorim -amo esse nome- se veste de homem para vingar a morte do pai. Nunca se revela (discuti isso com meu hubs ontem por um tempão, nos lembramos assim. Me ajude, pls), toda a narrativa é magistralmente tratada na ambiguidade do masculino/feminino, celestial/diabólico, certo/errado. Riobaldo falando de como gosta de Reinaldo é de encher o coração, os olhos e o imaginário.
Image result for grande sertao veredas
observatório da tv
MULAN: lenda antiga que a Disney fez princesa. Goshto. Enfim, para salvar seu clã seguindo regras da China antiga, ela é forçada a se alistar para lutar contra os Hunos. Nunca se revela apesar de ter uma queda pelo tudo-de-bom Capitão Li-Shang, o que ocorre é um ferimento de batalha justo no peito e para salvá-la, os soldados a despem descobrindo seu segredo. Ato involuntário.
Related image
bustle
VIOLA/THOMAS: Shakespeare e Viola não se conheciam, ela se veste de homem para atuar nas peças dele e fugir de umas tretas de mocinha que a perseguem, aka, casamento forçado. Shakespeare tb é cheio das mutreta. Acabam se apaixonando, claro, e ele logo descobre que o rapazote é uma bela dama. Duh! Daí ela é exposta na sociedade, um bru-ha-ha danado MAS não se expõe. Ato involuntário.
Image result for shakespeare in love viola
chicado theater beat
Image result for shakespeare in love
youtube
Related image
popsugar
pausa: A caracterização de Mário não é parecidíssima com a de Kent? 
Image result for mariana orgulho e paixão seios

 YENTL/ANSHEL: Ah, Pappa can you hear me?...
Custei, admito. Nem vi esse caminhão me atropelar! 
Image result for yentlImage result for yentl
Barbra Streisend fez uma versão, daí a gente nem sabe se a estória existia antes dela, né? Diva. (é uma peça de 75) Enfim... Yentl -o nome da moça- é filha de um rabino que a trata como igual, inclusive dando educação esmerada. Com a morte dele, ela decide assumir a identidade do irmão falecido para estudar. N escola/universidade conhece, faz amizade e se apaixona por Avigdor, seu colega de quarto. 
Nada a ver com o plot de Mariana, né? Nadica de nada.
Mas ó:


Repare no diálogo... 'Te disse coisas que não falaria a uma esposa!...' E na dramaticidade, no cenário, na reação desesperada dos personagens. Mesmo que vc não conheça a estória, entende o que move Yentl a mostrar os seios a Avignor. Ela não tinha mais nada, vivia com ele 24/7, cabelos cortados, ideias divididas, só o que lhe restava eram os atributos femininos tão escondidos em camadas e camadas de roupas seculares e religiosas e preconceito e medo. UAU!
Sabe o que reparei disso tudo aí? Que em todos os casos, os boys não conheciam as girls disfarçadas. (Nem me ocupei em focar o contrário, o que não quer dizer que não existe.) Muito longe do esquema de Clark Kent, e por isso faz sentido. Se Brandão já gostava de Mariana, como não via nenhum traço dela no rosto do de repente best friend? E nem desconfiou do bromance enquanto se negava o romance?

Como Yentl, Mariana 'tirou 3 ou 4 camadas de roupas' (citado de minha migs Bibi Benitez no grupo de whats da novela), mas não tirou a peruca que revelaria feminilidade tão contundente quanto seios. Precisamos falar da importância de belas madeixas para quem faz mastectomia? Não, né? 
E eu ficava pensando, por que, mon Dieu, por que tomou ação desesperada desmedida descabida?

Yentl!
Image result for yentl
you tube

Acho que meu problema é querer que Mariana fosse Yentl quando ela é Hadass (noiva de Avignor,. Veja o olhar de cíúmes de Yentl e depois o triunfo com a desgraça da rival. Depois a moça vira noiva de Anshel - a própria Yentl. Treta e tramoia. Corações partido, vixe!). Hadass não é 'somente' a moça criada para ser a noiva e esposa perfeita, mas aquela pessoa que se satisfaz com as cartas que lhe foram distribuídas. Tô errada?



E vamos, né?

Caminhando e cantando e seguindo a canção,
Braços dados ou não...
Vem, vamos embora que esperar não é saber.
Quem sabe faz a hora, não espera acontecer...

bjs