segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Valentines day Vitoriano

Olá!
Feliz dia de São Valentim dos Namorados!
Image result for victorian valentines
romancing the victorians
O Valentine's day é igual só que diferente do nosso Dia dos Namorados, por isso posso te enviar esse cartão virtual e meu hubs não vai ficar grilado!

Como tenho falado aqui no blog e nas demais redes sociais, estou dedicada aos romances históricos, em especial minha série CUPIDOS EM DEVON que, como PRINCESAS POSSÍVEIS (minha série de romances contemporâneos inspirados nos contos de fadas), entrelaça as histórias apesar de mantê-las independentes. Nas Princesas, se você ler a Branca de Neve, vai saber spoilers da Cinderela, mas vai conseguir curtir sem amarras. Assim será a família das tretas dos CUPIDOS.
Esses romances se passam na Era Vitoriana Inglesa - Vitoriana vem da Rainha Victoria do Reino Unido da Inglaterra e Irlanda - e por pesquisar bastante para escrever, tenho aprendido bastante sobre...

inutilidades úteis

Enquanto leitora de romances históricos/de época, eu tinha a ideia romântica de que 'naquela época' as pessoas eram semi-medievais com vestidos bonitos e cartolas. Mas ao estudar os mais variados assuntos como a quantidade de pratos servidos em um jantar, o surgimento da máquina de costura, perfume de gavetas, esportes ou remédio para dor de garganta, aprendi que os Vitorianos eram muito civilizados. Vários costumes que seguimos hoje já eram populares há dois séculos.
Como scrapbooking - adooooro -  e o
Valentine's day
O que fez pesquisar de onde veio isso... Senta que lá vem pesquisa!
Victorian Valentine Card, 1870
cartão de 1870 - five minute history
O que é mesmo?
Valentine celebra muitos tipos de amor: Eros, Philia e Agape, como São Paulo magistralmente explicou em sua carta ao Coríntios; Mamãe-papai, Irmã-Irmão, Esposa-Marido e Namorada-namorado.
Acima de tudo, Dia dos Namorados é uma celebração anual de  amor sentimental, companheirismo e profundo respeito. As pessoas enviam mensagens  e presentes a seus cúmplices, familiares, amantes e acompanhantes. 
Assim como nosso dia dos Namorados, Valentine's não é feriado; tudo funciona normalmente.
Related image
history extra
De onde veio?
Dia dos Namorados é uma convenção extremamente antiga, provavelmente de uma celebração romana. Os romanos tinham uma celebração chamada Lupercalia em fevereiro, de 13 a 15, o início de sua primavera. Esse tinha conexão com um mais antigo ainda, o grego Arcadian Lykaia ou festival do lobo, daí o nome.
Durante o antigo festival de fertilidade, homens romanos sacrificavam cabras e com suas peles chicoteavam mulheres, na crença de que isso as tornaria férteis. *Moira não comenta essa parte.* Tem outra descrição do sacrifício aqui no wiki, mas não quero me deter nisso. Sorry.
Dizem que, como um componente dos festivais, os jovens tiravam nomes das moças de uma urna formando casais por aquela celebração e, com alguma freqüência, eles se casariam.
Foi no século V, ano 496, que 14 de fevereiro foi proclamado Dia dos Namorados. A essa altura, Roma havia se tornado cristã e a Igreja Católica estava determinada a eliminar qualquer paganismo remanescente. O Papa Gelasius I aboliu este festival e proclamou o dia de São Valentim em 14 de fevereiro, incluindo assim no calendário católico.
Related image
the graphics fairy
E o santo nisso?
As lendas divergem ...
Havia dois santos, ambos compartilham a dedicação desta festa e ambos foram martirizados em Roma; Valentine de Terni por volta de 197 dC e Valentine de Roma por volta de 496 dC. Muitas lendas foram registradas sobre este último Valentine, mas estas são provavelmente apócrifas (de autenticidade duvidosa, embora amplamente divulgadas como sendo verdadeiras). 
Vamos à mais famosa...
São Valentim, um padre católico que viveu em Roma no século III, foi executado em 14 de fevereiro de 270. Na época da vida de Valentim, muitos romanos estavam se convertendo ao cristianismo, mas o imperador Claudius II era pagão e criou estritas leis sobre o que os cristãos eram autorizados a fazer. Cláudio acreditava que os soldados romanos deviam ser completamente devotos a Roma e, portanto, aprovavam uma lei que os impedia de se casar. 
Soldados casados se distraiam com as esposas, deveriam se dedicar somente ao serviço. 
São Valentim começou a casar esses soldados em cerimônias cristãs secretas e este foi o começo de sua reputação de acreditar na importância do amor.
Eventualmente, Valentim foi descoberto e preso por seus crimes contra Claudius. Preso, Valentim cuidava de seus companheiros de prisão e também da filha cega de seu carcereiro, por quem ele se apaixonou. Diz a lenda que Valentim curou a cegueira da garota e que seu último ato antes de ser executado foi escrever para ela uma mensagem de amor assinada "do seu Valentim".
Era o nome dele!
Oldest known Valentine's message
uma MUITO antiga carta de Valentine's day, aprox 1470 - BBC
Era essa carta um bilhete de amor?
Uma carta de despedida?
Só um alô, alô, Terezinha?
Não se sabe. Mas ele assinou, ué, com seu nome...
Related image
dumiela

e daí que é
Valentine's day
e não
Valentines' day
porque é o dia do santo e não o dia dos enamorados.
Entende a diferença?

Image result for valentines day victorian
dale fournier
Do século XIV ao XIX, chegamos à era Vitoriana
Mesmo com controvérsias, acredita-se que foi Chaucer na Idade Média, 1382, o primeiro a conectar São Valentim com amor sentimental em seu poema Parlement of Foules.  Foi o começo da tradição do amor cortês, um ritual de expressar amor e admiração, geralmente em segredo; a convenção do amor digno, um costume de comunicar adoração e estima, frequentemente em mistério.

Na França do século XV, o dia 14 de fevereiro tornou-se um dia de festa anual que celebra o amor romântico, há relatos de banquetes luxuosos com canto e dança eram realizados para marcar a ocasião.

Deste século vem a primeira saudação a namorados que se tem notícia, hoje parte do acervo da Biblioteca Britânica. O Duque de Orleans, francês, escreveu à sua esposa enquanto preso na Torre de Londres, 1415:
 Je suis desja d’amour tanne, Ma tres doulce Valentinée. 
Eu já estou doente de amor, minha Valentina muito gentil.

Shakespeare faz menção ao Valentine's em Hamlet, por volta do século XVII, quando Ophelia diz
Tomorrow is Saint Valentine’s day, All in the morning betime, 
And I a maid at your window, To be your Valentine.
Amanhã é dia de São Valentim, Tudo de manhã se faz,
E eu estou a dispor em sua janela, Para ser sua Valentina.

No século XVIII a rima famosa que até Pernalonga conta apareceu em 1784:
The rose is red, the violet’s blue, The honey’s sweet, and so are you.
 A rosa é vermelha, o violeta é azul, O mel é doce e você também.
Related image
Os primeiros cartões dos namorados começaram a ser enviados no século XVIII, inicialmente feitos à mão. Cada pessoa escolhia como decorar sua cartita, valia tudo! Símbolos românticos, flores e nozinhos (simbolizando união), quebra-cabeças e poesia. Para quem tinha pouca inspiração, valia comprar um manual com orientações e dicas de palavras e imagens apropriadas para agradar seu amante ou familiar. Esses cartões eram então enviados ou colocados secretamente sob uma porta ou amarradas à aldrava.

Foi na Grã-Bretanha georgiana que os cartões impressos começaram a aparecer, embora só se tornassem realmente populares com a revolução industrial Vitoriana. A industrialização do início do século XIX trouxe consigo rápidos avanços nas tecnologias de impressão e manufatura. Tornou-se mais fácil do que nunca produzir em massa os cartões de Valentine's.
Ficou fácil e rápido agradar o mozão!
Related image
linda wallace
Ajudou muito a criação do Penny Post [serviço postal oficial do Reino Unido, que como diz o nome, custa um penny] em 1840.

Muitas cartas vitorianas de Valentine's ainda sobrevivem, muitos podem ser vistos no Museu de Londres e em coleções particulares.
Como hoje, os cartões Vitorianos tinham vários tipos para todos os bolsos e necessidades. A indústria de gráficas era muito diversificada e moderna para a época. Oops, quase dei spoiler dos CUPIDOS EM DEVON...
Enfim, haviam os cartões com rendas de papel, relevo e desenhos intrincados de flores respeitando a linguagem das flores, cupidos, e ocasionalmente corações que hoje em dia são tão característicos. Quanto mais caro fosse o cartão, mais elaborado seria o design e significava o tamanho e o ardor do amante. Alguns eram em 3D, com gavetinhas! Em cada uma haviam um raminho de flores secas, um poema escrito a mão, e, quem sabe, poderia ter uma aliança...
Related image
le cinema dreams
Em Far from the madding crowd, Longe deste insensato mundo, de 1874, cartões de Valentine's tem grande importância no plot... Era para ser uma brincadeira, só que mal interpretada, a gracinha vira um problema.

O que nos traz aos  "Vinegar Valentines" que funcionavam como os 'Inimigo oculto' de Natal. Já participou de algum? Deu problema? Claro, né?... Então, imagina a confusão se uma dama recebesse um cartão lindinho para "Miss Nosy" - 'Senhorita abelhuda'.
Image result for valentines day victorian
kiss png
Do UK para o USA
Em meados do século XIX, o cartão dos namorados atravessou o Atlântico - tanto o costume de trocar amabilidades quanto de separar 
Porém, somente em 1913, a famosa, fofa, idolatrada Hallmark Cards produziu seu primeiro cartão de Valentine's.
Image result for valentines day victorian
spooky vegan
Hoje em dia...
Cada cultura tem sua maneira de celebrar o Dia dos Namorados, mas de uma forma ou de outra, todo mundo tem esse costume. Se é um costume puramente comercial hoje em dia, essa mudança começou da era Vitoriana.
Atualmente é comum dar doces às crianças, bombons e flores às namoradas, usar lingerie para agradar os namorados, preparar ou planejar um jantar bacana. Ou, um pedido de casamento!

Valentine's, Dia dos Namorados aqui, é mais comumente associado ao amor romântico, especialmente aqui no Brasil.

E aí, inspirada (do)?
Ainda tem uns dias para fazer seu cartão, aqui tem 8 receitinhas.
Também pode comprar um, migles, mandar gratuito online, ou planejar algo especial.
Image result for valentines day victorian
buzz feed
Se neste 14 de fevereiro não rola boa companhia, espera o 12 de junho...
Se nem assim rolar quem te mereça, coloco o calendário dos próximos anos.
#ficadica

Image result for valentines day victorian
willow and thatch


Para escrever esse post, pesquisei aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário