segunda-feira, 8 de abril de 2013

Vou por aí

Se alguém perguntar por mim
Diz que fui por aí
Levando o iPhone debaixo do braço
Em qualquer esquina eu paro
Em qualquer museu eu entro
Se houver motivo
É mais um drink que eu bebo
Se quiserem saber se eu volto
Diga que sim
Mas só depois que a saudade se afastar de mim

Eu me dei a liberdade poética de mexer com a poesia de Zé Keti para ilustrar minha alegria com meus muito esperados e merecidos dias de folga. Vou por aí, pelo mundo. Vou ver o que há fora da minha gaiolinha de ouro!

Vou à Feira de Design de Milão pela primeira vez e tenho muitas expectativas... Sou o que se pode chamar de 'arquiteta generalista' e faço minha caipirinha com os limões que recebo. Generalista quer dizer que faço projeto de casa, sala de estar, portaria, escritório, loja. Pode-se então imaginar o quão ávida por novidades eu sou. Qualquer fonte tem alguma coisa que me interessa e me inspira. E a melhor maneira de procurar inspiração é... viajando! 

É isso que vou caçar na Itália: um pouco de tudo.

Meu hobby de escritora ganha cada vez mais espaço na minha vida e daí minha fome for novidades só aumenta. Agora não sou somente curiosa, eu tenho necessidade de ver o mundão todo, observar pessoas, diferentes culturas e manias, gostos e perfumes. Quem sabe não pinta um Mr Darcy Italiano? OUTRO Italiano, fora o Bova, claro. Esse vai ser sempre O Mr D para mim.

Trocando em miúdos: SOU MOCHILEIRA DE CORAÇÃO.

Só no coração. Meu lance mesmo é cama fofinha, poucos ácaros, banheiros no quarto e banho quente. Mas adoro botar o pé na estrada.

Minhas malas estão prontas e pesadas (dentro do limite, com uma sobrinha para as tranqueiras inúteis que trarei), passaporte à mão, minhas economias diminuídas a um punhado de Euros, dicas do Keviagem and Fuorisalone salvas, bolsinha Cacharel vintage aramada com guias e... Ueba: s'imbora pro Galeão!
Outro dia fui almoçar com uma amiga no Shopping da Gávea e resisti bravamente a uma bolsa tiracolo perfeita na vitrine da Sollas. Resisti no maléfico propósito de comprar uma em Milão. Chique no úrtimo! Minha bolsa Cacharel foi um achado que eu trouxe de um final de semana romântico e inesperado em Buenos Aires há uns anos atrás. Apesar do meu marido ficar me dando pressa - inutilmente porquê a loja estava em liqui - eu consegui comprar a bolsinha perfeita:nem garnde nem pequena, chique e prática. Agora ela ganhou as alças de outra  resisted buying a new crossbody bag bolsa e tcha-ram: rumo às férias! ôps, rumo à viagem de trabalho!

Eu adoro bolsas. Nossa... não resisto mesmo, sou viciada. *sigh*

Então... Vou para Milão. E não esqueci, vou garimpar coisitas Austenianas para o sorteio de aniversário do Hot Rio Chick. Depois conto o que vem por aí.


Para partir, deixo uma música muito legalzinha da Roberta Sá que Byte que eu gosto diz ser ótima para viagens... Concordo!

Não deixe idéia de não ou talvez
Que talvez atrapalha
Não deixe idéia de não ou talvez
Que talvez atrapalha.



Hasta la vista, baby!
bj